Porquê uma pausa?

E porque não?

Como surgiu a pausa.pt?

Depois de almoço, como um típico povo latino, aproveitamos sempre a desculpa do café para conviver um pouco. Até os que não bebem café aparecem e, até esses, vão beber café. Nessa pausa, fala-se de tudo e é frequente surgir um tema que alguém não conhece ou quer conhecer mais.

Sempre que encontrava algum tema mais interessante, passei a reservar algum do meu tempo para pesquisar sobre esses assuntos e a resumir a informação encontrada. Periodicamente (à sexta-feira), passei a enviar um e-mail com os temas mais interessantes que passavam por nós.

Surgiu a Pausa e passei a divulgar essa informação num novo formato – o blog da pausa.

Só isso?

Não. É muito mais do que isso. Fazer uma pausa é parar a correria do dia a dia. É olhar à volta e tomar atenção ao mundo que te rodeia. É aprender coisas novas, é seres cada vez mais e seres cada vez melhor.

Viver em sociedade é isso mesmo. É observar, aprender e dar o nosso contributo – criar o que nunca existiu antes. Quando aprendes, cresces. Constróis-te. Tornas-te em algo que tu nunca imaginaste.

Por isso, e muito mais, que tal fazer uma pausa?

Posso participar?

Claro!